Tag Archives: ansiedade

Saiba as indicações e contraindicações do Cloridrato de Fluoxetina

O Cloridrato de Fluoxetina é um medicamento, administrado por via oral, indicado para o tratamento de:

  • Depressão, associada ou não a ansiedade;
  • Bulimia nervosa;
  • Transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) e
  • Transtorno disfórico pré-menstrual (TDPM), incluindo tensão pré-menstrual (TPM), irritabilidade e disforia.

E contraindicado para:

  • Pacientes com hipersensibilidade;
  • Uso combinado com inibidores da monoaminoxidase (IMAOs)*;
  • Uso combinado com tioridazina*.

* O uso desses medicamentos deve ser administrado, no mínimo, 5 semanas após a suspensão do Cloridrato de Fluoxetina.

Consulte seu médico e traga sua receita para a Pharmacy ou entre em contato conosco pelo nosso WhatsApp: (21) 98995-3578.

 

Como podemos controlar a ansiedade?

A cada dia, o número de pessoas que sentem ansiedade aumenta consideravelmente, uma vez que estamos em uma era conectada, temos a necessidade de ter respostas rápidas, seja numa troca de e-mails ou mensagens por celular, por exemplo. Isso faz com que vivamos em um ritmo acelerado, em que, mesmo em momentos de descanso, nossa cabeça não para de funcionar, pensando em coisas que poderiam ser deixadas para depois.

Em alguns casos, a ansiedade chega a níveis extremos, desencadeando sintomas como batimento cardíaco acelerado, sensação de nó no estômago, músculos tencionados, suor nas mãos e dificuldade para respirar. Parece que quando estamos assim ficamos bloqueados, incapazes de nos concentrar nas mais simples tarefas diárias.

Uma forma muito comum de tratar a ansiedade é praticando atividades físicas com regularidade, pois exercitar-se aumenta produção de serotonina, um neurotransmissor que causa a sensação de relaxamento e bem-estar. Caminhar três vezes por semana, por exemplo, já ajuda a lidar com a ansiedade. Outra dica é reduzir o estresse diário, seja fazendo sessões de massagem, acupuntura, meditação ou ioga.

O controle da respiração é uma ótima dica e pode ser feito a qualquer momento. Inspire lentamente pelo nariz. Depois expire, expelindo o ar pela boca. Essa técnica também pode ser considerada uma forma de relaxamento, que funciona melhor e mais rapidamente se realizada em um lugar silencioso, onde você possa ficar deitado.

Mas para que seu tratamento seja completo e eficaz a orientação de um médico especialista é fundamental. Por meio do tratamento individualizado você terá a segurança de um medicamento formulado e dosado na proporção exata de suas necessidades. A Pharmacy65 disponibiliza um insumo que ajuda no controle da ansiedade causada pelo estresse! Relora® tem ação comprovada na diminuição da ansiedade e a compulsão alimentar gerada pelo estresse e atua como antidepressivo, melhorando também o humor.

Como melhorar a qualidade do seu sono

Você costuma sofrer com noites mal dormidas? Vamos falar aqui sobre duas substâncias que podem te ajudar!

Valeriana

O chá desta planta é perfeito para ter uma noite de sono tranquila, sem provocar os efeitos colaterais que os remédios alopáticos, geralmente, causam.

Além de combater à insônia, a valeriana também é indicada contra ansiedade, estresse e, até mesmo, para auxiliar no tratamento de doenças relacionadas a estes, como a diverticulose, entre outros distúrbios digestivos.

 

Melatonina

O hormônio melatonina é produzido de forma natural pelo corpo humano, porém também existe sua versão sintética, muito utilizada para a indução ao sono, já que esse hormônio está ligado ao ciclo circadiano (como o organismo se organiza no decorrer do dia e da noite).

Como lidar com a ansiedade em tempos de pandemia do Coronavírus

Muito se ouve falar sobre a ansiedade, o estresse e a depressão como mal do século e a pandemia da Covid-19 pode ter agravado a situação. Recente pesquisa divulgada pelo Instituto Ipsos mostra que o Brasil é o que mais tem pessoas que sofrem com ansiedade por conta do Coronavírus, um total de 41% dos entrevistados. Atrás do Brasil ficaram México e Rússia com 35 e 32%, respectivamente. Outra constatação importante é que as mulheres são as mais afetadas – 49% admitiram ser ansiosas, contra 33% dos homens.

Na pesquisa da Ipsos, 11% dos brasileiros afirmaram ter sintomas de depressão, por causa da pandemia. Nesse ranking o primeiro lugar ficou com a África do Sul (20%), seguido pelos americanos e indianos que aparecem em segundo com 19%, cada.

A insônia também foi um ponto importante da pesquisa. No Brasil, 26% dos entrevistados disseram estar enfrentando dificuldades para dormir. O país ocupa o segundo lugar no ranking da insônia, atrás apenas do México (38%). As mulheres são maioria também com sintomas de depressão e distúrbios do sono.

É preciso ficar alerta aos sinais da ansiedade, pois eles podem afetar além da saúde mental, o rendimento e disposição no dia a dia e também a imunidade, que mais do que nunca precisa estar fortalecida e protegida. Importante também buscar recursos que possam ajudar enfrentar esses altos e baixos emocionais e melhorar a qualidade do sono.

 

Conheça alguns sinais de ansiedade

Muita gente nem mesmo consegue perceber que está lidando com a ansiedade, por isso vamos falar sobre alguns sinais comuns.

Problemas de concentração: Dificuldade para executar tarefas simples do início ao fim; falta de foco; esquecimento recorrente, entre outras características que afetam o rendimento pessoal ou profissional.

Irritabilidade: Sinais de estresse, impaciência, nervosismo em excesso são comuns no dia a dia das pessoas ansiosas.

Dores musculares: Tensões emocionais refletem diretamente nos nossos músculos. Tendinite, torcicolo e outros problemas podem ser provocados ou agravados pela ansiedade.

Movimentos repetitivos: Não consegue ficar parado, está sempre “sacudindo”, balançando as pernas ou roendo as unhas? Você pode ser uma pessoa ansiosa.

Distúrbios do sono: Dificuldade para dormir, insônia e agitação noturna são sinais clássicos da ansiedade.

Além destes, existem outros sintomas relacionados direta ou indiretamente com a ansiedade e agora vamos falar sobre algumas alternativas seguras e eficazes que podem ajudar.

Pinetonina® e Relora®, excelentes para aliviar a ansiedade

Pinetonina® é derivada de óleos essenciais de lavanda e erva doce, ajuda a diminuir os níveis do estresse, melhora o humor e proporciona bem-estar. Ideal para garantir um dia produtivo, leve e sereno e uma noite de sono tranquila, sem o indesejável despertar noturno.

São três versões para escolher: Spray, para aplicação via nasal; Rollon, para aplicação direta sobre a pele (pulsos, têmporas, atrás das orelhas); e Pillow ideal para aplicação no travesseiro, lençol e pequenos ambientes como quarto, carro.

Além de aliviar a ansiedade, melhorar a qualidade do sono e promover relaxamento, Pinetonina® também auxilia no alívio dos sintomas da menopausa e TPM.

Relora® também é uma excelente opção. Ansiolítico natural que atua no controle do cortisol, o hormônio do estresse, que está diretamente ligado a insônia, a ansiedade e a fadiga. Quando em excesso no nosso organismo, o cortisol também interfere na compulsão por alimentos e doces calóricos.

Indicado para redução do estresse e da ansiedade, aumentando a sensação de bem-estar, Relora® possui ação tranquilizante, mas não causa sono como outros ansiolíticos do mercado, nem dependência. Melhora o humor, regulariza o sono, aumenta o vigor e também previne o ganho de peso relacionado ao estresse.